quarta-feira, 1 de outubro de 2008

Cantigas de Infância

Há anos venho desenvolvendo o projeto "Cantigas de Infância", com 18 músicas ouvidas na roça, onde passei meus primeiros 8 anos na década de 60. São cantigas especiais, desconhecidas da maioria das pessoas a quem mostrei este trabalho. O maestro Fred Dantas, que é quase conterrâneo (de Urandi) ofereceu-se logo para transcrever as partituras e então saí atrás de patrocínio. Não sei mais em quantas portas bati. Todos achavam a idéia muito boa, mas na hora de liberar o dinheiro, nada! Anos depois de estar com o envelope na gaveta, deparo-me com o Edital Produção de Conteúdo Digital em Música, da Fundação Cultural do Estado da Bahia. Não previam prensagem de CD, mas produção de fonogramas para download, o que incluía arranjos, músicos, cantores e estúdio. Resolvi arriscar. E não é que fui selecionada? Estou nas nuvens! Agora é mão na massa para terminar tudo até março de 2009. Darei notícias!

5 comentários:

Marcus disse...

Maravilha. Você vai pegar todos nós do interior, do sertão, pela alma. Parabéns!

jose henrique disse...

Finalmente a Burrocracia do estado se curvou diante de tão maravilhosa idéia.
Acompanho hà anos sua labuta para botar pra frente esse projeto.
Fico feliz em saber que outras crianças de 8 a 80 compartilharam dessa experiência sonora.
Parabens!!!!
beijos e saudades

Adriano Queiroz disse...

Cantigas são tão gostosas de ouvir.
Isto precisa ser feito, sua idéia foi ótima.
Força nesta luta e parabéns pela vitória.

Anônimo disse...

Criste.
Que beleza! Esperamos que o seu trabalho de pesquisa e interesse cultural seja logo divulgado, para proveito de tosos os que gostam dessa forma de arte e que foram crianças um dia.
Lucílio Mânlio.

Anônimo disse...

Criste.
Que beleza! Esperamos que o seu trabalho de pesquisa e interesse cultural seja logo divulgado, para proveito de tosos os que gostam dessa forma de arte e que foram crianças um dia.
Lucílio Mânlio.